O que é uma holding familiar?

A palavra “holding” é derivada do verbo inglês “to hold”, que é basicamente “to hold”. “Tenha o controle”. Portanto, uma holding é uma empresa controlada por uma pessoa jurídica / empresa. Pode ser o controle de bens e direitos (ou seja, ativos), por isso se configura como uma holding de participações.

holding

Também pode haver uma holding que controla outra empresa ou mesmo possui ações em outra empresa, que é chamada de holding. Normalmente, algumas empresas combinam essas duas características e, portanto, configuram-se como uma holding híbrida, ou seja, controlando simultaneamente o patrimônio e outras empresas e / ou empresas participantes.

Mas voltemos ao ponto principal deste artigo, que é a equidade. Frequentemente, são chamadas de “holdings familiares” e seu objetivo básico é proteger os bens da família. Após a constituição da holding, os bens imóveis, móveis etc. serão transferidos. De pessoas físicas (patriarcas) a pessoas jurídicas, o pagamento por capital social dificulta aos indivíduos a igualdade de dívidas e obrigações, por isso se fala muito em blindagem ou proteção hereditária.

Porém, além de proteger o patrimônio, existem outras metas e respostas relacionadas, por exemplo, uma delas é promover o planejamento sucessório

Quais os benefícios de uma holding familiar?

Uma vez estabelecida uma holding que controla e cobra todos os bens e direitos da família, isso facilitará o processo de sucessão para as gerações futuras. Outro ponto importante é que a arrecadação desses bens será fracionada em vida, ou seja, quando os ancestrais e / ou mãe e filha dos bens ainda estiverem vivos. Isso reduz excessivamente o conflito entre cada membro da família. Traz conforto para todos, porque todo filho, neto ou outro membro listado no plano entende como vai participar da herança antecipadamente ou mesmo antes da herança.

Além disso, em comparação com o processo de estoque tradicional, a constituição de uma holding também traz vantagens fiscais. A herança através do processo de inventário é muito mais cara do que os próprios procedimentos da holding. Nesse processo, o patrimônio líquido será transferido para o Descendentes. Composto por patriarcas. Em comparação com o processo de estoque tradicional, esse processo não só é mais barato, mas também mais rápido, além de economizar dinheiro para a família, mas também muito tempo.

Com o estabelecimento de uma holding de ações, os benefícios fiscais não se limitarão à própria herança. Quem aufere receita com incorporação imobiliária (locação de imóveis), por exemplo, também terá o benefício de redução da carga tributária caso a holding seja tributada sobre lucros presumidos.

A seguir, uma comparação e uma imagem exemplar dos lucros da holding em comparação com o estoque tradicional. Vale ressaltar que os valores e números aqui considerados não são fixos e não se aplicam a todas as situações. O percentual de 4% (4%) é válido em alguns estados brasileiros, como São Paulo, que corre esse risco, mesmo que a taxa aumente.

Em qualquer caso, olhando as condições específicas de cada estado, especialmente a alíquota do ITCMD (Taxa de Imposto de Transmissão de Morte e Doação) aplicável, a tabela a seguir é muito interessante, para que você possa visualizá-la intuitivamente de forma simples e rápida: constituição de uma holding de participações A principal vantagem.

Em relação aos impostos, se você não entende que se você pode economizar com o estoque e estoque, a taxa de imposto aplicável é a mesma. A resposta a esta pergunta é simples. Embora a taxa de câmbio aplicável seja a mesma, o cálculo se baseia no fato de que ela fará a diferença e afetará a economia. Na constituição e constituição da holding, os sócios da holding devem considerar o valor dos bens e direitos a serem pagos à holding constantes de suas respectivas declarações de imposto de renda (DIRPF).

Durante o processo de inventário, será feito com base nessas commodities e O valor de mercado dos direitos é, portanto, muito mais alto. Portanto, mesmo que a alíquota seja a mesma, o imposto no processo de estoque será maior. Neste último, também haverá honorários advocatícios e custas judiciais.

Além disso, é importante destacar que, embora muitas pessoas tenham visão contrária, as holdings não constituem seus próprios tipos societários na legislação brasileira, ou seja, não são os tipos societários previstos no Código Civil.

De fato, a holding deve se estabelecer como uma das modalidades que já existem em nosso direito, geralmente constituída por sociedade limitada ou sociedade anônima. No entanto, para se identificarem como uma holding, algumas pessoas preferem adicionar expressões como “gestor de ativos” e “gestão de ativos”.

Finalmente, mas tão importante quanto todos os outros pontos que foram listados, devem-se notar que a quota representativa do capital social da holding deve registrar algumas disposições importantes para proteger os ativos quando doados ao sucessor, como o direito de usar a cláusula de reserva, o que não é viável, Impermeabilidade, reversibilidade etc. Esses termos são essenciais para garantir que a herança da família sempre será.